16 Bits da Depressão YouTube Channel Analytics and Report

16 Bits da Depressão Painel de estatísticas e análises do YouTube (Dados atualizados em 2019-12-09)
16 Bits da Depressão
Entrou no YouTube em: 2016-09-30Área: Brasil  Idioma: Português 
35K 
Total de Visitas
2.59M  0.1%
Média de visualizações
8.12K  0.5%
Vídeos Totais
277 
Rótulo do Canal
Assinantes Classificação Global
390,340th  (Top 4%)
Posição do país/área
24,396th  (Top 15.1%)
NoxScore
  0.82 
Vídeos publicados
1  (Mês Recente)
Est. Partner Earning
$ 31-$ 109
Est. Potential Earnings
$ 40.97  (Cada vídeo)
16 Bits da Depressão Comparação de dados de tendência 
7 dias
30 dias
Views
Inscritos
Número de inscritos aumentados nos últimos 7 dias: Número de inscritos aumentados da semana anterior a semana passada:
16 Bits da Depressão Dados do histórico de inscritos (Recente 1 ano)
Diariamente
Total
Dica: Como o YouTube mostra apenas os 3 primeiros dígitos do número de inscritos, tem uma ligeira alteração na curva
16 Bits da Depressão Exibe dados do histórico (Recente 1 ano)
Diariamente
Total
16 Bits da Depressão Projeções Futuras (Próximo 1 ano)
Distribuição estimada da faixa etária e gênero do público-alvo 
Distribuição estimada geográfica do público-alvo 
Desempenho médio das interações dos últimos 30 vídeos.
  • Views/Inscritos
    11.18%
  • Gosto/Views
    13.79%
  • Comentários/Views
    1.16%
  • Não gosto/Views
    0.15%
Gráfico de exibições de vídeo nos últimos 30 vídeos
Avg.Views3.91K
Vídeo mais visto de 16 Bits da Depressão Canal do YouTube
103.46K Views· 2018-10-29 Data de publicação· 2.19K Gosto· 117 Comentários

Pelo visto elas guardaram o Nitro pro final da fase kkk Lembrando que agora você pode apoiar a 16 Bits da Depressão com diversas quantias e ainda ganhar recompensas bem bacanas! Confira nossa campanha em https://apoia.se/16bitsdadepressao

Vídeo mais visto 16 Bits da Depressão Canal do YouTube
Equipe Noxinfluencer

Olá! Qualquer dúvida, por favor deixe-nos uma mensagem e entraremos em contato com você em breve. Tenha um bom dia

Questionando via facebook
(recomendado)